Cartas pra Pepita

Amor, sexo e shippadas da Mulher Pepita
Em estoque, envio imediato!
De R$34.10 por R$28.99 + correios

Os conselhos e pitacos ácidos e carinhosos de Mulher Pepita sobre os relacionamentos e questionamentos de amor e sexo dos leitores-espectadores, sem pudores!

Categorias:

    LGBTQ+

O programa "Cartas pra Pepita", sucesso de público no IGTV e no YouTube, completa um ano no ar e pra comemorar traz as melhores cartas no livro de estreia do Selo Monocó!

Apresentado pela ativista LGBT, cantora e compositora Mulher Pepita, uma das primeiras funkeiras transexuais do Brasil, o programa traz os conselhos e pitacos ora carinhosos, ora ácidos da autora sobre os relacionamentos e questionamentos sobre amor e sexo dos leitores-espectadores, que enviam suas cartas ao programa e são lidos no ar, sem pudores!

Pepita iniciou sua carreira como dançarina de funk no Rio de Janeiro. Enquanto apresentava-se em boates cariocas, a cantora foi presenteada com a música "Tô à Procura de um Homem" por um amigo e imediatamente lançou-se na carreira musical. Em 2014, um vídeo da artista dançando vazou na internet e viralizou, dando à Pepita grande visibilidade, tornando-se uma personalidade frequente na comunidade gay. O sucesso e a fama culminaram no lançamento do primeiro EP da artista, intitulado "Grandona pra Caralho" (um dos bordões da artista, que refere-se aos comentários preconceituosos feitos ao seu corpo).

A representatividade da Mulher Pepita é especialmente importante num país como o Brasil, que lidera o ranking mundial de assassinatos de transsexuais e travestis, de acordo com dados da publicados pela ONG Transgender Europe em novembro de 2016.

1ª edição, 160 páginas


ISBN: 9786580637041
Formato: livro impresso
Tamanho: 12cm x 17cm x 1cm
Encadernação: Brochura
Editora: Monocó / Arole Cultural
Autor: Mulher Pepita

Mulher Pepita

Mulher Pepita é uma das primeiras cantoras travesti do país a ganhar notoriedade na mídia, e iniciou sua carreira como dançarina de funk no Rio de Janeiro. Enquanto apresentava-se em boates cariocas, a cantora foi presenteada com a música "Tô à Procura de um Homem" por um amigo e imediatamente lançou-se na carreira musical.

Em 2014, um vídeo da artista dançando vazou na internet e viralizou, dando à Pepita grande visibilidade, tornando-se um meme de frequência na comunidade gay. O sucesso e a fama culminaram no lançamento do primeiro EP da artista, intitulado "Grandona pra Caralho" (um dos bordões da artista, que refere-se aos comentários preconceituosos feitos ao seu corpo). Em 2017, a artista voltou aos holofotes com o lançamento da canção "Chifrudo", parceria com a drag queen Lia Clark, e do single "Uma Vez Piranha". Em 2018 foi um ano intenso e entre shows e eventos, Pepita lançou outros quatro novos singles e o álbum "Mulher Evoluída".

Com quase meio milhão de seguidores no instagram, em 2019 foi a vez de lançar "Esses Boys", "Abriu a porta" e "Marmita" - hits bombados nas plataformas de streaming do mundo inteiro! E pra coroar o ano, a estreia da cantora no mundo dos livros com Cartas pra Pepita - O Livro!

Adicionar ao Carrinho